Adriane Galisteu é um fenômeno midiático; cabe estudo

Galisteu está em todas!

É curioso o que acontece com a apresentadora Adriane Galisteu. Nos últimos anos, virou um fenômeno midiático. É difícil um dia em que ela não vire notícia, seja por alguma reclamação relacionada a um contratante – frequente enquanto esteve no SBT -, brigas com Ana Hickmann, novo contrato, futuro profissional, enfim, ‘n’ motivos.

Nos últimos dias ela esteve no “Programa do Jô”, gravou uma edição do “Domingo da Gente”, que ainda não estreou, foi no “Domingo Legal”, “Teleton”, “De Frente Com Gabi”, enfim, só dá ela. Fora as vendagens de seu perfume na Jequiti, sempre líder. Só perdeu a apresentação da abertura do “Teleton”, que fazia juntamente com Hebe – alguém consegue pensar em algum motivo para isso? Luciana Gimenez também participava da abertura e, curiosamente, por ‘problemas na agenda’, resolveu mandar Daniela Albuquerque.

A questão é que Adriane deu as caras nas principais emissoras do país, incluindo a ‘poderosa’, algo extremamente raro, ainda mais levando em conta seu recente acerto com a Record – as especulações indicam que terá continuidade, agora que fizeram as ‘pazes’. Ainda existe o fato de que, ufa, finalmente a Band resolveu exibir em janeiro o reality show “Quem Quer Casar com meu Filho”.

Cabe um estudo, é algo que só Hebe Camargo conseguia – e Silvio Santos, caso não fosse tão fechado. Daí o fato que, pela lógica, ela seria a substituta natural de Hebe, mas isso, se existisse essa possibilidade. Combinemos, Hebe é única.

O que não se discute, no entanto, é o talento de Adriane e sua capacidade de se reinventar. Até o início do ano ela comandou o “Muito+”, na Band, atração que queimou seu filme com diversos famosos. Alguém se lembra? Não, ela já deu a volta por cima. Tem talento, disposição, e topa o que vier – inclusive trabalhar de graça para quebrar o gelo com os diretores da Record.

O estudo deveria, inclusive, desvendar o motivo de, apesar de ser um fenômeno midiático, Galisteu nunca ter sido um sucesso de audiência, apesar de dizer que deseja ser líder.

Quem explica?

Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

1 comentários :

  1. A Adriane Galisteu tem carisma. Sabe conduzir bem um programa. Pena que ela ainda não encontrou um produtor de TV que consiga desenvolver bons projetos para ela. A Adriane vende bem e tem público cativo. Acredito que ela deveria migrar de vez para TV Paga e para a web. Fazer um programa do jeito que ela quer e sem ter interferência desses diretores de TV que só conseguem ver ego e audiência. Torço pela Adriane!

    ResponderExcluir

.