Header Ads

Hoje casados, amanhã talvez pai ou filho

Quantas vezes você já se pegou analisando que alguns artistas conseguem variar tanto de personagem? Hoje podem estar sendo protagonistas, amanhã coadjuvantes e em alguns casos até meros figurantes (Glória Perez que o diga). Mas o que vale a pena notar é que aparentemente alguns casos são curiosos devido ao fato do parentesco que eles têm. Se em tal novela são casados, na próxima podem ser pais, irmãos. Estranho? Sim, mas é o que acontece. Veja alguns casos:

O Clone (2001/2002) - Mel (Débora Falabella) se relacionava com Xande (Marcello Novaes).

Avenida Brasil (2012) – Nina/Rita (Débora Falabella) para se vingar de sua antiga madrasta Carmen Lúcia (Adriana Esteves), começa a seduzir o amante dela, Max (Marcello Novaes).

Chocolate com Pimenta (2003/2004) – Danilo (Murilo Benício) e Ana Francisca (Mariana Ximenes). Casal principal da trama.

A Favorita (2008/2009) – Dodi (Murilo Benício) é pai de Lara (Mariana Ximenes).

Cordel Encantado (2011) – Açucena (Bianca Bin) é filha do Rei Augusto III (Carmo Dalla Vecchia).

Joia Rara (2013) - Manfred (Carmo Dalla Vecchia), o vilão da história, tentará seduzir Amélia (Bianca Bin), que se relaciona com seu irmão.

O que acontece é que devido à genética, alguns artistas conseguem variar desse modo. Basta apenas um corte de cabelo, vestimenta ou maquiagem diferente, que é possível essa variação.

* Guilherme Rodrigues

2 comentários:

  1. Isso apenas mostra que os autores sempre escalam os mesmos atores p/ sua novelas.

    ResponderExcluir
  2. Ótima observação. Alguns são verdadeiros camaleões.

    ResponderExcluir