Seria um Pecado Mortal usar camisa?

Fernando Pavão

Cada autor tem um estilo e elementos que costuma usar em suas obras. Manoel Carlos com suas Helenas e o Leblon, Walcyr Carrasco com seus didatismos. João Emanuel Carneiro com personagens dúbios e gays que não são gays. A lista é extensa, mas vamos terminar no Carlos Lombardi com suas tramas ágeis e repletas de homens descamisados. Quem pensou que essas características iriam se modificar com a mudança de emissora, se enganou, pois elas continuam lá em Pecado Mortal.

Nada contra os homens sem camisa, há público para isso, o problema é que geralmente eles aparecem fora do contexto. É mais ou menos assim: Está fazendo frio, tira-se a camisa, vai tomar café, tira-se a camisa, vai receber uma visita, tira-se a camisa e por aí vai. Isso quando o personagem se encontrava de camisa porque alguns nem sabem o que é isso. Além disso, tira-se a camisa em qualquer lugar, na delegacia mesmo tem um policial lá chamado Picasso - aliás esse nome me lembra algo - que vive sem camisa no local de trabalho.

Quando os personagens vão à praia, em uma cena de banho seria natural, mas, do jeito que é mostrado, torna-se banal. Pecado Mortal é uma novela que embora não seja nenhuma campeã de audiência é uma das melhores no ar  e não precisa dos homens sem camisa para chamar atenção. Não que mostrar um homem sem camisa seja imoral, mas do jeito que são mostrados soa forçado. Quando  se dedica com afinco a uma causa, ou até mesmo à empresa onde se trabalha, costuma-se dizer que estamos vestindo a camisa. Em Pecado Mortal quem se dedica à novela faz justamente o contrário: tira a camisa.  Antes de me despedir preciso dizer que lembrei que Picasso foi um grande pintor. Fico por aqui, um abraço a todos e até a próxima.  

* Gilmar Moraes

Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

4 comentários :

  1. Numa cidade como o Rio de Janeiro, acho muito mais realista homens ficarem sem camisa dentro de casa do que de terno e gravata, como na maioria das novelas

    ResponderExcluir
  2. Antes de me despedir preciso dizer que lembrei que Picasso foi um grande pintor.

    -gente?

    ResponderExcluir
  3. Mas concordo contigo. O s caras sem camisa ou de shortinho, tira a seriedade da cena.

    ResponderExcluir
  4. Se não tivesse 'descamisados', não seria uma novela de Carlos Lombardi.

    ResponderExcluir

.