"Crô" é uma das melhores comédias do cinema nacional



Sério, eu também não estou acreditando que disse isso. Fui ao cinema porque já tinha algum tempo que não ia, pois não estava achando as opções interessantes - por isso andei baixando alguns que julguei não valer a pena assistir na telona.

E fui na certeza de que iria detestar. Não gostei nem da novela e nem do persoangem de Marcelo Serrado. Logo de início, no entanto, já me vi gargalhando com Crô e sua "eu queria ser uma abelha pra pousar na tua flor... haja amor, haja amor!", com uma dancinha hilária!

Aí que todos os trejeitos que não gostei na novela, combinaram perfeitamente com o longa, que teve um texto inspirado, com situações diferentes do universo de "Fina Estampa". Ri muito da iniciação de Baltazar, foi outro momento sensacional! E o berro do Crô?

Mas teve uma coisa medonha: a Ana Maria Braga acho que se encheu de botox pra fazer o filme, pois só mexia a boca, dava até medo! Mas não decepcionou, viu? Mandou bem.

Mesclaram o humor do Crô com um pano de fundo mais dramático, mas que, mesmo assim, garantiu boas risadas.

Acredito que "De Pernas Pro Ar 2" seja a 'comédia nacional do ano', entretanto, "Crô" fica com a segunda posição, com louvor.

Super recomendo! E super me estranho dizendo isso... rs

Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário

.