O fracasso de "Além do Horizonte" foi o post mais lido da semana


Fracasso de “Além do Horizonte” é culpa da própria Globo
A Globo resolveu, desde “Sangue Bom”, que as novelas das sete devem ter ares de “Malhação”, com elenco predominantemente jovem e alguns poucos veteranos. Não deu certo na novela anterior, afinal, Giulia Gam, Marisa Orth e cia acabaram roubando a cena.


Ana Furtado rodou do "Vídeo Show" e seu marido, Boninho, arrumou um jeito de mantê-la no ar, escalando a esposa para substituir Fátima Bernardes durante suas férias no "Encontro". Uma novidade que, como o RD1 repercutiu, incomodou uma ala na Globo, que defende que o programa tenha edições gravadas pela própria jornalista.

E eis que a novela "A Viagem" vai ganhar sua terceira reprise, entretanto, desta vez não será na sessão "Vale a Pena Ver de Novo", e sim no Canal Viva.

É difícil dizer que "A Nova Família Trapo" se parece com o "Sai de Baixo". Segundo consta, esse clássico da TV serviu de inspiração para a trupe do Arouche. Nunca vi "Família Trapo", apenas o "Bronco", na Band, por isso deixo pra quem entende comparar.

Quando a novela das oito da Globo fazia jus ao nome, a linha de shows da emissora começava por volta das nove horas. Os outros canais, que desde sempre baseiam sua grade na programação da líder de audiência, também aproveitavam a faixa para a exibição de semanais. Trata-se de um padrão seguido até os dias de hoje pelas emissoras brasileiras, a não ser por um pequeno detalhe: boa parte dos semanais, agora, entra no ar praticamente de madrugada.

Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário

.