Marcelo Antony detona texto de "Amor á Vida" e Walcyrzinho, pra variar, rebate


Quem não gosta de babado, confusão e gritaria, não é mesmo?

E eu já questionei: o que seria das redes sociais se não tivessemos Walcyrzinho, Glorinha e cia?

Pois é, em entrevista ao UOL, Marcelo Antony desceu o sarrafo no texto da novela "Amor à Vida":

“Acho que para se discutir os gays em uma novela no horário nobre, você tem que inserir os gays na sociedade. Eu abordaria outros temas. Por exemplo, eu inseriria a minha mãe achando ele muito fofo e vice versa. Eu vejo uma trama mais preocupada com a comédia, em vez de mostrar gays que têm família. Os personagens ainda são muito órfãos. Eu sofro para dizer aquele texto, porque é algo que eu nunca diria, mas eu sou apenas um veículo para expressar o que o autor escreve. Com todas suas coerências e incoerências”.

Walcyrzinho, lógico, deu aquela alfinetada básica:

“É óbvio que um ator diz textos que nunca diria, caso contrário só representaria a ele mesmo. A não ser quando o ator cria uma própria história na sua cabeça. Aí, o que ele acha incoerente é apenas a frustração de seus desejos”.

A dúvida, agora, é: ERON VAI MORRER NA NOVELA E VIRAR FANTASMA?

Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

5 comentários :

  1. Fala a verdade, acho que a maioria dos atores de "Amor à Vida" devem achar esse texto uma coisa horrorosa.

    Nunca vou esquecer a cena em que Pilar fala pra sua mãe que Félix é vendedor de cachorro-quente:

    PILAR: Mamãe, eu encontrei o Félix na 25 de Março vendendo hot-dog.
    BERNARDA: No meu tempo se falava cachorro-quente.

    E ainda o autor tem a audácia de achar que esse texto é uma obra-prima e que os atores que não se sentem bem declamando essas baboseiras são frustrados.

    Ah, faça-me o favor.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Posso ser sincera o texto do Walcir tem seus defeitos e neste núcleo especialmente isto é inegável mais acho anti ético da parte do Antony (que fora o texto ruim está com umas caras e bocas horrorosas) lembrei da Vera Ficher falando de salve jorge
    deveria fazer como a Carolina Kesting que ficou fazendo pastel mais da metade com muita dignidade
    ass Cláudia Taissa

    ResponderExcluir
  4. MeuDeus! Nos bastidores do Projac deve rolar uma fofoca desenfreada! Imagina o que os diretores, atores, cabeleleiros, maquiadores, cameras... o cara da portaria não deve falar do Walcyr. Ele deve ter que colocar gelo nas orelhas! O que eu não daria pra pegar um desses de jeito numa conversa de boteco...

    ResponderExcluir
  5. Eu gostaria de saber como que um autor com um texto tão ruim, histórias tão mirabolantes consegue emplacar pelo menos uma nova novela por ano, em todos os horários, e consegue reprisar 5 novela no VAVN. Acho que ele não é 1/4 do que ele acredita ser. Precisamos de mais Joãos Manueis Carneiros...

    ResponderExcluir

.