Record tem estratégia errada; canal deveria resgatar "A Escrava Isaura"


A notícia do dia: a Record vai voltar a apostar em duas faixas de novelas, sendo que a segunda será focada em produções bíblicas, segmento que tem feito muito sucesso na rede, com “Rei Davi” e “José do Egito” como destaques positivos.

O problema é que novamente o horário da cambaleante “Pecado Mortal” será alterado. Como se não bastasse o fato de não ter horário fixo por depender da hora em que a Globo resolve encerrar os capítulos de “Amor à Vida”, o canal agora pretende colocar a trama escrita por Carlos Lombardi para concorrer com “Em Família”, lançamento da Globo para a próxima semana.

É bem verdade que estreias são um tiro no escuro, afinal, ninguém sabe quando um folhetim fará ou não sucesso. De toda forma, as novelas das 21h são a maior audiência da Globo, portanto, pra que queimar ainda mais uma produção que já se posiciona como uma das piores audiências da história recente da emissora?

A coluna faria diferente. Como as séries já não conquistam os mesmos resultados do passado, quando “CSI” cravava médias de dois dígitos, por que não resgatar a história que mudou os rumos do canal dos bispos? Sim, “A Escrava Isaura” já teve duas reprises, entretanto, estamos num período onde ano sim, ano não, o SBT reprisa “Maria do Bairro” - e quando a Globo vai pelo mesmo caminho com o “Vale a Pena Ver de Novo”.

O remake, estrelado por Bianca Rinaldi, conquistou índices expressivos em suas três exibições e seria, dessa forma, uma opção interessante para confrontar com a estreia global, por ser bem feita e ter apelo popular.

“Isaura” poderia entregar o horário com audiência mais significativa para “Pecado” e, quem sabe assim, a novela de Lombardi teria chances de fechar com uma média positiva – fora o fato de Bianca, ex- Record, também estar no folhetim de Manoel Carlos. Fica a dica!

Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

3 comentários :

  1. Pecado Mortal tem tido começado quase sempre às 22h30 independente de Amor à Vida ter acabado ou não. Faz tempo que a Record tem seguido o horário. E a audiência continuou na mesma.

    ResponderExcluir
  2. A ideia é boa, mas é melhor a Record ainda não queimar e esse cartucho. Particularmente, gostei de Pecado Mortal ter ido para faixa das 21h. É um apelo antigo de quem assiste a novela. Acho que vai funcionar melhor nesse horário se fizer um bom trabalho de divulgação e relançamento. A ideia de colocar as séries bíblicas às 20h30 é um tanto arriscada. Imagino que seria mais interessante colocar o Jornal da Record no meio. O maior sucesso atual da Record são as séries bíblicas.

    ResponderExcluir
  3. Acho que Pecado mortal indo ao ar as 21h30 é um tiro no pé... a novela da Record tem suas qualidades, acho ela melhor que Além do Horizonte e Amor á Vida juntas. Mas vai ser um grande tiro no pé. Enquanto que as minisséries biblicas são muito caras para colocar num horário tão arriscado, com JN e Chiquititas que apesar de alguns tropeços tem publico cativo.

    ResponderExcluir

.