“Geração Brasil” é uma novela cheia de referências

By | 2 comentários

Quando vi as chamadas de “Geração Brasil”, novela que estreou no horário das 19 horas, escrita pelos mesmos autores de “Cheias de Charme” pensei logo que seria complicado repetir o sucesso da trama anterior.  A julgar pelo primeiro capítulo, tanto autores e direção se cercaram de uma série de cuidados ao montar a história que gira em torno do personagem Jonas Marra.

Pra quem gosta de tecnologia, e está sempre conectado é um prato cheio para encontrar muitas referências entre uma cena e outra, como o anúncio feito pelo protagonista em referência a Steve Jobs, ou mesmo Tim Cook ao fazer um novo anuncio de produto em nome da Apple, mas se as apresentações se igualam as realizadas pela empresa da maçã, o logo da empresa Marra é uma abelha robô bem semelhante ao Android do Google.  

O primeiro capítulo já deu o tom que a novela terá. Não  é uma tão novela colorida  e musical como “Cheias de Charme” mas mantém o clima jovem da trama anterior ou até mais jovem, com edição videoclipada e efeitos visuais inspirados em séries americanas e britânicas como Sherlock  (em que o SMS que o personagem recebeu é exibido na tela) . Claudia Abreu faz direitinho seu trabalho, e mostrou  que de Chayenne só guardou o carisma, o que é ótimo.  

“Cheias de Charme” conseguiu criar e utilizar memes, e referências atuais para construir sua história assim como prender o público que passou a comentar a novela via redes sociais e viralizou o clipe das Empreguetes . Resta agora aguardar e ver qual surpresa tecnológica a nova trama das sete trará! 

Ansiosos?

*João Paulo Reis 
Postagem mais recente

2 comentários:

  1. Avaliar se uma novela será ou não sucesso pelo primeiro capítulo é tarefa quase impossível,mas depois de dois fracassos no horário é bom a globo se prevenir.Vamos a alguns pontos positivos:A novela é ágil,própia p/ os jovens que vivem conectados.Alguns pontos negativos:Cláudia Abreu fazendo um personagem quase igual à anterior dos autores,inclusive o sotaque,outra coisa, a globo c/ tantas atrizes negras disponíveis , porque escolher Luis Miranda p/ fazer um personagem feminino,ao menos que ele seja travesti.Vamos aguardar os próximos capítulos.Desejo sorte p/ os autores.

    ResponderExcluir
  2. "Geração Brasil" já é a minha novela favorita. História boa, texto bem amarrado, direção caprichada e elenco bem escalado. Tudo bem que repetiu uma galera de "Cheias de Charme", mas está tudo tão bem construído que o telespectador embarca na história. Finalmente uma novela que salva na atual safra televisiva.

    ResponderExcluir