SBT pode cometer um erro com “Ô Coitado”


O SBT tem vivido uma fase interessante e pitoresca.  A emissora de Silvio Santos há pouco mais de um ano tem se mantido às custas de um passado de sucessos, que volta e meia são ressuscitados na grade de programação. Dando uma conferida nos programas no ar atualmente o telespectador é quase transportado para anos atrás, seja pelo remake de Chiquititas, as reprises de novelas mexicanas, séries americanas, Chaves, ou mesmo a reprise de programas que incomodaram a concorrência quando eram novidades. 

Nessa leva, a sitcom Ô Coitado aparece como o novo trunfo do canal na corrida pela audiência. Se no passado, a série protagonizada por Gorete Milagres arrancou alguns pontos da Globo (fazendo-a criar o Zorra Total, antes exibido às quintas-feiras, no mesmo estilo de humor popular), é possível que ela não repita o mesmo feito se o sistema brasileiro de televisão apostar numa nova temporada, como se tem noticiado por aí. 

Em 1999 a personagem Filomena teve o impacto semelhante ao que a personagem Valéria (Rodrigo Sant’Anna) teve em 2012. Caiu na boca do povo, teve seu principal bordão repetido à exaustão, perambulou por diversos programas de auditório – de várias emissoras – saiu do banco da praça para ganhar seu próprio programa, e atraiu a curiosidade do público que desejava ver como  era sua intérprete Gorete Milagres, sem a caracterização da personagem. 

Se naquela época a internet no Brasil fosse tão desenvolvida como hoje, seria possivelmente a geradora de diversos memes. Mas diferente de outrora, encomendar novos episódios de Ô Coitado 15 anos depois de o mesmo ter saído do ar se torna um passo incerto, com ares de tiro no pé, já que o programa nunca permaneceu na memória popular como ocorreu com Sai de Baixo que ganhou 4 episódios inéditos produzidos pelo Canal Viva para a comemoração de 3 anos de existência do canal em 2013. 

Ô Coitado aproveitou-se de um momento, e esse momento já passou. O telespectador atual tem mais acesso a produtos com humor melhor elaborado, assim como diferentes opções de entretenimento. Os “bons” números alcançados com a reprise expoem a certeza que o público é saudosista  sim, mas jamais a certeza que uma temporada inédita da sitcom é uma boa pedida.

* João Paulo Reis

Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

1 comentários :

  1. Parece que vai se cometer o mesmo erro da globo qdo. tentou ressuscitar' o 'casseta',viu no que deu.'Aguarde e confie'.

    ResponderExcluir

.