Repórter Eco mostra o poder da música em pacientes com Alzheimer



A notícia de que a música pode recuperar parte da memória dos idosos, portadores do mal de Alzheimer ou de demência, traz um sopro de esperança para essas pessoas e para seus familiares. Em reportagem emocionante, o Repórter Eco traz pesquisas sobre musicoterapia, que também estão no documentário americano Vivo por Dentro. Para as mães, uma matéria com sugestões saudáveis e saborosas para a lancheira das crianças. O programa da TV Cultura vai ao ar neste domingo (2/8), às 17h30, com apresentação de Márcia Bongiovanni.

Os resultados positivos da terapia musical em pacientes com Alzheimer ou com demência, que conseguem o despertar da memória esquecida, são confirmados pelo neurologista Flávio Salem e pela musicoterapeuta Luisiania Passarini. Na reportagem, eles afirmam que a memória musical é uma das últimas a se apagar no cérebro, e quando ela é acionada, podem renascer sentimentos e sensações que estavam desaparecidos. Médico do Hospital Sirio Libanês, Flávio explica que a memória musical não fica gravada junto da memória do cotidiano, e sim em regiões diferentes e mais internas do cérebro. Talvez por isso seja uma das últimas a serem afetadas pela doença. “A música tem alguns efeitos não só ao nível da memória, mas ela acaba se conectando com outras áreas cerebrais como, por exemplo, a emoção, a afetividade, a sensibilidade...”

Luisiania, que trabalha com a música como técnica terapêutica, diz que “quando você começa a fazer um trabalho musicoterapeutico, você consegue acessar essa memória musical, essa memória não verbal que vai dizer da identidade dessa pessoa”

Esse despertar da memória, que resgata a identidade dessas pessoas, é o tema do documentário premiado Vivo Por Dentro (Alive Inside), dirigido por Michael Rossato Bennett. E um dos entrevistados do filme é um dos neurocientistas mais importantes do mundo: Oliver Sachs. Ele conta como a música tem capacidade de ativar mais partes do cérebro do que qualquer outro estímulo.

Em outra matéria, o Repórter Eco traz ideias para a lancheira das crianças, com alimentos que sejam saudáveis e também saborosos.
Por último, a edição mostra uma calculadora criada por estudantes que informa quanto uma atividade diária emite de CO2, um dos gases responsáveis pelo aumento da temperatura da Terra.

Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário

.