Além do Tempo inovou sem deixar de ser novela.


Além do tempo é uma novela simples, tradicional, mas inovadora ao mesmo tempo. A longa passagem de tempo que dividiu a trama praticamente em duas, não prejudicar seu andamento e nem seu gênero. Muitos autores ao tentar inovar em telenovelas cometem o erro de querer transformá-la em outra coisa.

Elizabeth Jhin, a autora, com maestria, inovou, mas essa inovação, essas duas histórias contadas completaram-se, tudo ficou muito bem entrelaçado, explicado. A autora nos mostrou que quando se respeita a telenovela, quando não se tenta inventar a roda dentro do gênero, dá sim pra inovar e que o público assimila bem.

Além do tempo sai de cena cumprindo seu dever, com audiência satisfatória, agradando público e crítica e deixando um bom caminho a ser trilhado pela sua substituta: Êta mundo bom, que tem tudo pra expandir ainda mais os índices de audiência do horário das dezoito e trinta. Fico por aqui. Um abraço e até a  próxima.

* por Gilmar Moraes

Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

2 comentários :

  1. Enquanto isso A Regra do Joga tá IMPERDÍVEL!

    ResponderExcluir

.