Fora de contexto



Chama cada vez mais a atenção manchetes de sites, de rodas de fofocas e etc, fora de contexto. É fulano que falou A, mas na verdade falou A,B,C, mas, para atrair atenção, só colocam nas manchetes o A descontextualizado. Vou me ater aos números de comparação de audiência. Saindo um pouco das novelas, como exemplo, há o caso do Mundo Disney. O SBT arrenda o horário para a gigante americana por 2 horas diárias. De segunda a sábado o programa vai bem, só no domingo, um único dia, dos 7 em que é exido é que vai mal e prejudica o Domingo legal. Mas esse detalhe ninguém conta, só falam do domingo como se o programa só fosse exibido nesse dia, ou seja, é uma forma de dar meia informação explorando o lado negativo.

Agora, vamos às novelas, que é do que falo por aqui. A imprensa quando divulga números, divulga de uma forma fria. Nunca, ou quase nunca se analisa o momento, o contexto, só se diz que novela A está dando menos audiência que novela B. Ou vice-versa. Um exemplo prático: A regra do jogo e Velho Chico. Muito se fala que Velho Chico supera até agora A regra do Jogo em termos de audiência. Mas e o contexto? Cadê? A regra do jogo pegou o horário das 21 horas na lama: dificuldade 1- pegou a melhor fase de Os dez mandamentos; dificuldade 2- enfrentou festas de fim de ano e carnaval; dificuldade 3- e mesmo assim conseguiu reagir em seus últimos meses e entregar para Velho Chico muito melhor do que recebeu de Babilônia. Então se analisarmos o contexto, o todo, Velho Chico tinha obrigação de dar uma audiência bem maior que A regra do Jogo e não só um pouquinho a mais, já que pegou o terreno em uma condição mais fértil para o plantio - estou falando igual aos personagens de Velho Chico, isso pega.


Por fim, um último exemplo: dizem que Eta mundo bom não é ainda a maior audiência das 18 na década porque não supera Cordel Encantado, sendo que quando Cordel foi exibida a forma de medição de audiência era outra, o que a favorece em termos numéricos. Ou seja, pelo contexto, Eta mundo bom é sim a maior audiência da década se considerarmos o horário das 18 horas. Nada do que eu disse vai mudar o mundo, mas não custa nada ao dar uma notícia a imprensa ficar mais atenta e buscar o contexto do que está sendo divulgado para que não se cometa injustiças. Fico por aqui, um abraço a todos e até a próxima.

* por Gilmar Moraes

Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário

.