É curiosa a situação de Ratinho no SBT



Nas terças-feiras, o SBT comemora os feitos de Ratinho na noite anterior, quando já acumula uma infinidade de vitórias contra Xuxa Meneghel, que não esboça reação pelo fato do programa... não ser aquelas coisas.

Da mesma forma, às quintas é a vez da Record dar o troco: Gugu é vice-líder isolado nas noites de quarta. Neste ano, salvo engano, o Programa do Ratinho levou a melhor somente duas vezes.

Ou seja, ainda assim, saldo positivo para o SBT, já que Ratinho não perde para a Xuxa. A Rainha dos Baixinhos tem raros dias de alívio quando leva a melhor no confronto com o Máquina da Fama, mas as atrações disputam ponto a ponto.


Em 2015, Ratinho viveu situação um pouco mais complicada, pois tinha que concorrer com Gugu às terças, quartas e quintas. No período, ele só não tinha chances às quartas.

O curioso, mesmo, é que o animador "ressurgiu das cinzas". Para quem foi tirado do ar pelo SBT por estar fracassando, deu a volta por cima - e nem falo do conteúdo de seu noturno, porque eu simplesmente passo.

Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

1 comentários :

  1. A coisa vai além. Ratinho ficou fora do ar porque tinha um salário milionário e um programa com uma estrutura muito cara. Há pelo menos 5 ou 6 anos ele é sócio do SBT e desde 2012 está fixo nesse horário e mesmo quando não é vice mantem uma audiência fiel, interessante para ele e para o canal. Este ano está chegando, surpreendentemente, aos dois dígitos, ou próximo disso não só na segunda, mas nas terças, nas quintas e também nas sextas e está faturando muito bem já que há notícias que a sociedade é ótima para o SBT e para ele. Dificilmente eu consigo assistir, pelo horário, mas fico feliz por ele porque assim os empregos gerados pelo programa serão mantidos por muito tempo.

    ResponderExcluir

.