Globo Lab chega ao fim e escolhe websérie para o Gshow

Diego Tavares trabalhou duramente nos últimos meses. Ele foi um dos jovens roteiristas que tiveram seu projeto selecionado entre mais de 1,2 mil para as etapas finais do Globo Lab. Ele passou por workshops, mentoria e, na última sexta-feira (15), depois de um pitching da banca avaliadora que reuniu Marcius Melhem, Adriana Falcão, Rosane Svartman e Gustavo Gontijo, soube que foi escolhido para produzir sua websérie para o GShow. Pedro Bial e Rodrigo Santanna bateram um papo com os finalistas e Tiago Leifert ainda esteve no local para fazer o anúncio. Para o público, o vencedor foi revelado nesta terça-feira (19), no último episódio de um reality show que mostrou os bastidores do processo de cocriação, desde a semifinal do Globo Lab. O capítulo está disponível em www.globouniversidade.com.br.

O Globo Lab foi criado para promover a escuta e a troca de experiências com a nova geração de produtores do audiovisual, além de identificar talentos criativos, fomentar a cocriação e a experimentação de linguagens e formatos. Para o desenvolvimento dos projetos, os participantes contaram com mentores como Carlos Gregório, Celso Taddei, Claudia Sardinha e Daniela Ocampo. Nas semifinais, ainda estiveram em um workshop que teve a participação de Marcius Melhem, Mauricio Farias, George Moura, Marcelo Adnet e Adriana Falcão. A partir de agora, o roteiro da websérie ‘Saideira’ entrará em produção para exibição no Gshow.

Para Sérgio Valente, diretor de Comunicação da Globo, esse foi um projeto de oportunidades, não só para os participantes. “O Globo Lab é um sucesso porque sabemos que, quanto mais jovem se é, mais conhecimento se quer acumular, experimentar e descobrir. E o que vimos com o Globo Lab é exatamente isso: jovens talentosos absorvendo informação, aprendendo e, é claro, ensinando também”, diz o diretor, esclarecendo que o projeto não visa identificar novos roteiristas ou atuar na formação, mas sim trocar e abrir espaço para o aprendizado.

Além da apresentação do roteiro vencedor, os participantes do Globo Lab foram surpreendidos com um desdobramento do projeto, divulgado também na sexta-feira (15/07). Após a revelação da história que será produzida para o GShow, a Heineken, parceira do Globo Lab, informou que a ação não terminava com o anúncio do roteiro escolhido. “Assim como a Globo, a Heineken observou todos vocês, seus trabalhos e ideias, nos últimos dias, e estamos muito felizes em poder dizer que quatro participantes do projeto foram selecionados para cocriar com a Heineken e a Globo, para a realização de um projeto de conteúdo para a marca”, revela Renata Silva, gerente de Marketing da marca. “O projeto está relacionado à campanha mundial ‘Cities’, que convida o consumidor a ir além da sua zona de conforto e explorar suas respectivas cidades. Acreditamos nessa parceria inovadora, um projeto feito pela primeira vez, trazendo jovens talentos com um papel central na criação e desenvolvimento de conteúdo.” finalizou Renata. Além do vencedor Diego Tavares, foram selecionados os participantes Clarisse Rios, Nina Rosa Sá e Gustavo Gerard para compor o time que, em parceria com quatro roteiristas da Globo, vai trabalhar nesse projeto que será veiculado a partir de 2017.


Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário

.