Kiko Menezes viaja a Guiné Equatorial para relembrar história olímpica do atleta com a pior marca dos 100 metros livres da natação

O ex-nadador Eric Moussambani fez história nos Jogos Olímpicos ao marcar o pior tempo dos 100 metros livres da natação, durante a Olimpíada de Sidney, em 2000. Pouca gente conhece a história por trás daquela imagem antológica, de um atleta atravessando a piscina sozinho, que impressionou o mundo. Para conversar com o ex-nadador, Kiko Menezes viaja para Malabo, capital da Guiné Equatorial. A Globo é a primeira TV brasileira a visitar o país, que vive uma ditadura e tem o presidente mais longevo do planeta, Teodoro Obiang, há 37 anos no poder.

Eric Moussambani ficou sabendo da vaga olímpica por uma convocação pelo rádio. Através do convite do Comitê Olímpico Internacional, a Guiné Equatorial havia conseguido duas vagas para a natação. Apenas Eric e uma menina se apresentaram e foram eles os representantes. Ele mal sabia nadar, começou a praticar faltando apenas quatro meses para o evento. Nunca teve técnico, treinava sozinho numa piscina de 12 metros dentro de um hotel, e só viu uma piscina olímpica quando chegou na Austrália.

Ao repórter Kiko Menezes, Eric conta que entrou em pânico quando conheceu a piscina de 50 metros de extensão e ainda arrumou uma sunga e óculos de natação emprestados. Foi nesse cenário que Moussambani chegou para nadar numa Olimpíada, sonho de muitos atletas de ponta no mundo. E depois que os outros dois competidores queimaram a largada, ele foi obrigado a nadar sozinho. Fez o pior tempo, mas virou exemplo de superação, persistência e ficou mundialmente conhecido como uma lenda olímpica.

O ‘Esporte Espetacular’ traz ainda uma entrevista exclusiva do repórter Regis Rösing com o novo reforço do Flamengo. Recebido com festa pela torcida rubro-negra, o jogador Diego está confiante de que corresponderá dentro de campo toda a expectativa que a torcida tem depositado nele. A trajetória no futebol europeu, onde estava desde 2004, quando saiu do Santos, reforça esse otimismo. Regis conversa com o jogador, que fala sobre o retorno para o Brasil e também sobre Zico, sua referência no Flamengo.

Além das matérias especiais, o dominical entra, ao vivo, para mostrar a corrida ‘Partiu Globo’, direto dos Estúdios Globo, no Rio de Janeiro. No trajeto de 5 km, com uma hora de duração, os participantes têm a oportunidade de conhecer, de forma interativa, os estúdios de novelas e programas, as cidades cenográficas de ‘Velho Chico’, ‘Malhação’ e ‘Haja Coração’, o acervo de figurinos, o galpão de efeitos especiais, a produção de cenários e outros locais que compõe a fábrica de sonhos da Globo. E para manter a concentração dos corredores, entram em ação guias especializados em prender a atenção, como os atores Marcelo Serrado, José Loretto, Arthur Aguiar, Ricardo Pereira, Emilio Orciollo Netto e Mouhamed Harfouch; as atrizes Priscila Fantin, Isabella Santoni, Sheron Menezes e Anna Lima; os apresentadores Patrícia Poeta e Márcio Garcia; as repórteres Alinne Prado e Marcela Monteiro; os jornalistas Renata Capucci, Carol Barcellos e Clayton Conservani; e os comentaristas Tande e Emanuel, que comandarão os pelotões de corrida. O repórter Regis Rösing estará no local trazendo todos os detalhes.

Ainda ao vivo, Glenda Kozlowski estará em São Paulo mostrando todos os detalhes da chegada da tocha olímpica na cidade. E ainda Mauro Naves e Eric Faria apresentam informações de última hora direto da Granja Comary, onde a Seleção Brasileira olímpica está concentrada.

Fórmula 1

Para quem gosta de esporte de alta velocidade, o domingo está divertido. A partir das 9h, os fãs da Fórmula 1 assistem ao Grande Prêmio da Hungria, direto do circuito de Hungaroring. A aerodinâmica e a tração são os pontos essenciais para se ter uma boa corrida nesta etapa, segundo a opinião da maioria dos pilotos. A briga segue acirrada pela liderança a cada ponto entre o alemão Nico Rosberg e o inglês Lewis Hamilton. Os brasileiros Felipe Massa segue na nona colocação e Felipe Nars, no 22º lugar. Luis Roberto, Reginaldo Leme e Luciano Burti formam o trio da transmissão, que conta também com a contribuição da repórter Mariana Becker, que estará ao vivo dos bastidores da corrida.

Campeonato Brasileiro

No domingo à tarde, a Globo exibe o jogo entre Grêmio e São Paulo, direto do estádio olímpico, em Porto Alegre. Em terceiro lugar na classificação, o time gaúcho está com 27 pontos, enquanto o São Paulo soma 22 pontos na nona posição. Cleber Machado comanda a narração com ajuda de Caio Ribeiro e Leonardo Gaciba. Andrei Kampff é o repórter da partida.

Atlético/PR e Fluminense entram em campo, em Curitiba, em partida exibida para o Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul. O time do Paraná luta pela vitória de olho no G4, já que está em quinto lugar na tabela com 24 pontos. Já o Tricolor Carioca soma 21 pontos e está na 10ª posição. Alex Escobar, Juninho Pernambucano e Renato Marsiglia estão à frente da transmissão. A reportagem é da Janaína Castilho. Para Minas Gerais e Pernambuco, a partida exibida é entre Cruzeiro e Sport/PE.



Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário

.