Loiras, apresentadoras e amigas: o encontro de Ana Maria Braga e Angélica no ‘Altas Horas’

Apresentadoras e amigas na televisão e por trás das câmeras. A sintonia envolve até o estilo das duas para o ‘Altas Horas’ deste sábado, dia 23: ambas estão muito elegantes todas de preto. “Hoje temos um programa blond!”, anuncia o apresentador Serginho Groisman sobre as convidadas da arena, Ana Maria Braga e Angélica. A companheira de Louro José no matinal ‘Mais Você’ é madrinha de casamento de Angélica, porém, para além disso, transformou-se em uma confidente do casal. Com certa inspiração em “Hitch, O Conselheiro Amoroso”, a apresentadora confessa que aconselhou Luciano Huck a ligar para Angélica antes mesmo de o casal firmar o namoro. “Ele me perguntou se ligava ou não para ela. Eu falei que sim e, depois, fiquei sabendo que, no mesmo dia, eles se encontraram, o que foi definitivo para essa história entre os dois acontecer”, relata Ana. Enquanto isso, a apresentadora do ‘Estrelas’ se surpreende com a revelação. Não é à toa que Ana Maria Braga sente que deu um “empurrãozinho” para o romance deles acontecer.
Em maio de 2015, a apresentadora do ‘Estrelas’ passou por um dos momentos mais difíceis de sua vida: o acidente aéreo sofrido junto com a família. Para Serginho, ela conta o processo de superação desse trauma e como o apoio do marido e dos filhos foi essencial para encarar a vida de outra forma. “É mais difícil andar de avião, mas a gente gosta de viajar. O tempo cura tudo, mas eu acho que a gente não vai esquecer, é um trauma muito forte”. Ana Maria também encarou situações delicadas na saúde, com a descoberta de um câncer em 2001. No entanto, o dia a dia no estúdio e o amor pelo trabalho auxiliaram a encarar a enfermidade com força.
Lá de cima, o cantor Paulo Ricardo observa o burburinho do centro da arena. Aos 53 anos, o carioca desperta o público com seu bom humor e hits que marcaram época. “Olhar 43” e “Vida Real”, tema de abertura do reality show Big Brother Brasil, são dois dos maiores sucessos que, de acordo com o próprio músico, transcenderam a sua identificação como compositor. Por isso, Paulo gosta sempre de regravá-las com novos arranjos, para que as canções se renovem e se tornem cada vez mais universais, como afirma para o apresentador.  
Agora, a pergunta que não quer calar é como foi o reencontro entre Mustafary (Marco Luque) e o “serumaninho” da praia. O apresentador chama o baiano e leva a plateia ao delírio. Ovacionado pela arena, Musta descreve como fez as pazes com o cachorro e aproveita para elogiar outro animal, mas esse é parte da família ‘Mais Você’: “Ah, o Louro José... Aquele serumaninho lindo de asas!”, declara-se.  Ao som da Orquestra Brasileira de Música Jamaicana, também convidada da noite, o personagem dança, ao ritmo do ska, um clássico do repertório nacional, “Sítio do Pica-Pau Amarelo”, de Gilberto Gil.


Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário

.