Resumo A Terra Prometida: capítulos da semana de 08 a 12 de agosto de 2016

Capítulo 25 – Script 22 - 08 de agosto - segunda-feira
Raabe e Nobá se abraçam emocionados. Tobias e Quemuel criticam a vestimenta de Samara no casamento de Haniel. Léia se sente desconfortável com a pergunta da filha sobre o passado de Aruna. Josué ajuda Aruna a pegar frutas e pinta um clima entre eles. Léia grita pela filha de criação e atrapalha o momento romântico. Samara finge estar agradecida. Aruna começa a pensar em Josué. Samara e Léia estranham a distração da moça. Tibar chega à estalagem. Ele procura por Raabe, mas acaba adormecendo na cama. A meretriz alerta Nobá e os Lagartos Gosmentos sobre a nova ordem do rei. Ela retorna ao prostíbulo e confessa a Tibar que foi procurar pelo irmão. Salmon chama por Josué e Darda o acalma. Raabe implora pelo apoio de Tibar, mas o comandante se recusa a ajudar Nobá. Salmon pede para Lila dar um recado a Josué. Arauto anuncia a nova ordem do rei para todos na cidade. Lila vai até a tenda de Josué para dar o recado de Salmon. Ela diz que seu irmão avisou sobre a existência de um traidor entre os hebreus. Acã permanece à frente da tenda hospital. Melquias delira e começa a gritar. Acã e Gibar se preocupam e decidem entrar na tenda de Darda. Eles abraçam Melquias, que diz ter um traidor no acampamento. Acã se mostra preocupado. Em Jericó, os soldados capturam todos os meninos com a mesma idade de Nobá. Os Lagartos Gosmentos conversam e avisam que farão algo para impedir a ação dos oficias. Angustiado, Elói aguarda pela volta de Josué. Na tenda hospital, Salmon relembra do momento em que ouviu Tibar falando da existência de um informante. Acã não se aguenta e se mete na conversa. Josué pede silêncio. O vilão tenta culpar Elói, mas o líder dos hebreus avisa que não se pode acusar alguém sem provas. Melquias, Gibar e Acã partem para cima de Elói e Josué se põe na frente. Em conversa com Raabe, Milah diz estar preocupada com o filho. Os Lagartos Gosmentos atiram pedras nos soldados. O grupo de crianças de rua decidem recuar ao ver Tibar se aproximar com dezenas de soldados. Zuma se revolta com a chegada das crianças na masmorra. Tibar alerta Kalesi e Marek sobre a possível fúria do povo. Josué afirma que Acã também é suspeito, pois o vilão esteve no local onde Elói foi torturado. Sama mostra algumas roupinhas de bebês que ela fez e pede para Ruth entregar à Einat. Boã agradece o apoio da moça. Maquir diz que fugirá com Livana. Elói diz que o melhor a fazer é deixar o acampamento. Ioná declara seu amor ao criado. Josué avisa que prenderá Elói. Calebe o alerta dizendo que a punição para a traição deve ser a morte.

Capítulo 26 – Script 23 - 09 de agosto - terça-feira
Calebe alerta Josué dizendo que a punição para o traidor deve ser a morte. Acã avisa que Josué não fará justiça. Revoltado, Melquias se levanta e diz que irá atrás de Elói. Salmon o impede e diz que Josué deverá decidir. Gibar chega por trás, com uma jarra de barro, e acerta Salmon na cabeça, que cai desacordado. Acã e os filhos deixam a tenda hospital determinados. Darda, Chaia e Jesana tentam socorrer Salmon. Com Milah, Raabe procura pelo irmão. Galimedes tenta salvar Nobá e acaba sendo preso. Na masmorra do palácio, o líder dos Lagartos Gosmentos é preso junto a Zuma. Léia diz para Samara que é preciso achar o ponto fraco de Aruna. Ioná lamenta a situação de Elói. Melquias discursa para os hebreus na praça do mercado. Ele diz que Elói deve ser punido coma morte. Jesana avisa Josué sobre a atitude do filho de Acã. Ioná e Aruna estranham o burburinho no acampamento. Melquias, Gibar e Acã lideram um grupo de hebreus. Eles seguem com tochas e pedras até a tenda onde está Elói. Melquias grita pelo nome do criado e avisa que invadirão o local. Aruna sai com uma espada em punho e diz que ninguém atacará o rapaz. Melquias e mais alguns homens empurram Aruna e entram. Josué corre para socorrer a moça. Acã e os filhos não encontram Elói no interior da tenda. O criado e Ioná fogem com a ajuda de Samara. Josué questiona a atitude de Acã. O líder hebreu troca olhares com Aruna. Acompanhado de Calebe, Josué procura Elói. Os outros hebreus também procuram o criado e Ioná. Maquir e Livana se preparam para fugir. Boã prepara um jantar para Sama. Na tenda de Josué, Elói observa Ioná dormir e dá adeus à esposa. Josué parabeniza Samara por ter salvo os dois. Eles entram na tenda e se dão conta do sumiço de Elói. Samara se queixa com Léia e diz que todo o esforço foi em vão. Josué e outros guerreiros hebreus saem na busca. Elói vaga desesperado e, sem se dar conta, caminha na direção de um precipício. Josué e os outros o avistam e tentam gritar para ele. O criado acaba se desiquilibrando e quase cai no abismo. Ele é salvo pelo Soldado Mascarado. O misterioso guerreiro surge de repente e o laça com uma corda, mantendo-lhe em terra firme. Uma mulher misteriosa, com roupas velhas e puídas, observa o acontecimento sem ser vista por ninguém. Josué avisa que o soldado misterioso salvou a vida de Elói. O mascarado empina seu cavalo e se afasta do local. Elói chora, ainda assustado. Léia tenta tranquilizar a filha dizendo que ela terá Josué um dia. Josué consola Elói, mas avisa que precisará prendê-lo. O criado chega à tenda de Aiúde escoltado por soldados hebreus. Em Jerico, Kalu se preocupa com a ausência de Nobá e Galimedes. Merodaque procura a oferenda entre os meninos capturados. O sacerdote avisa a Marek e Kalesi sobre o descontentamento do povo nas ruas da cidade. O rei não se importa e ordena que continuem prendendo os meninos. No acampamento hebreu, Jéssica avisa que gostaria de falar com Salmon. Zaqueu finge estar doente para ganhar a atenção de Chaia. Elói é impedido de falar com a esposa. Aruna tenta confortar Ioná, mas a moça teme a morte do marido.

Capítulo 27 – Script 24 - 10 de agosto - quarta-feira
Mara diz que finalmente Ioná ficará livre de Elói. Aiúde pede para a esposa não ser tão insensível. Aruna diz que Samara está tentando mudar. Nobá avisa que Galimedes foi preso. O líder dos Lagartos Gosmentos conversa com Zuma na prisão. Em conversa com Kadmo, Tibar se mostra preocupado com a possível revolta do povo. Raabe e Milah avisa que irão reunir algumas mães que estão chorando pelos filhos. Lila aconselha Salmon a procurar Jéssica. Samara finge estar preocupada com Ioná. Aruna procura Josué e diz não acreditar que Elói tenha traído os hebreus. Salmon diz que ainda conversará com Gibar sobre a pancada que ele tomou na cabeça. Nobá sugere que os lagartos estudem uma maneira de livrar Galimedes da prisão. Tibar diz ter esperança que Acã execute Josué. Raabe reúne as mães de Jericó e discursa. Ela diz que libertarão os meninos presos. Salmon e Melquias contam detalhes sobre a missão dos espias em Jericó. Salmon fala sobre a importante ajuda de Raabe. Josué se impressiona com a coragem da meretriz. Diante das mães desesperadas, Raabe grita pedindo por justiça.  Melquias diz que nada o impedirá de ver o julgamento de Elói. Em uma cabana abandonada, Livana e Maquir se declaram. Laila se mostra ansiosa com o futuro casamento da filha com Rune. Apaixonados, Livana e Maquir se beijam. Elidade se cansa do falatório da esposa. Livana avisa que precisa voltar para casa. Amanhece no acampamento hebreu. Elidade acorda Livana e não vê o monte de cobertas escondidas na cama da moça. Josué dá início ao julgamento de Elói. Enquanto caminha apressado, Acã é surpreendido com a presença de Tibar. Todos os líderes tribais dizem considerar Elói culpado. Ioná chora desesperada. O criado é amarrado a um poste. Gibar e Melquias estranham a ausência do pai. Um jovem hebreu entra no celeiro e escuta a conversa entre Tibar e Acã. O comandante de Jericó se irrita ao descobrir que o plano de matar Josué não deu certo. Acã diz que Melquias já está livre e pede ouro em troca do serviço sujo. O jovem hebreu acaba esbarrando em um objeto e chama a atenção da dupla. Acã corre para pegar o intruso e mata o rapaz. Salmon escuta um grito e vai até o celeiro. Nervoso, Acã mente dizendo que o jovem hebreu é um traidor que estava passando informações a um cananeu. Salmon então deduz que Elói é inocente e corre para avisar a todos. Escondido atrás de sacos de grãos, Tibar observa tudo. Em Jericó, Marek se revolta ao saber que o povo está protestando pelos meninos presos. Raabe e Milah comandam a multidão de pais e mães. Kadmo ordena que todos retornem às suas casas. O oficial ameaça Raabe. No acampamento, os hebreus se preparam para apedrejar Elói. Josué ora a Deus.

Capítulo 28 – Script 25 - 11 de agosto - quinta-feira
Elói está prestes a ser apedrejado pelo povo hebreu. Tirda não permite que Gael assista ao apedrejamento do criado. Josué se prepara para autorizar a execução de Elói, mas é surpreendido com a chegada de Salmon. O ex-noivo de Jéssica avisa que o rapaz é inocente. Sem alternativa, Acã diz que o verdadeiro traidor está morto no celeiro. Ioná e Elói se abraçam emocionados. Josué manda soltar o criado imediatamente. Kadmo ameaça espancar Raabe. Nobá aparece e provoca o oficial. Kadmo e os outros soldados perseguem o menino. Nobá se junta aos lagartos Gosmentos e eles conseguem despistar os oficiais. Na prisão do palácio, Galimedes arde em febre e Zuma o ampara. Raabe reúne os pais e mães na estalagem. Ela diz que é preciso arrumar um jeito para sabotar a chegada de suprimentos no palácio. Acã se explica para Josué. O vilão mente sobreo acontecido no celeiro. Raabe mostra fé no Senhor dos hebreus. Mesmo sabendo da inocência de Elói, Mara o critica. Josué repreende Acã pela atitude impensada. Melquias e Salmon contam os detalhes sobre a cidade de Jericó para que Setur atualize os mapas de guerra. Josué ora a Deus e recebe uma resposta do Senhor. Acã encontra com Tibar no celeiro e diz que o próximo objetivo dos hebreus é atravessar o rio Jordão. O vilão pede ouro em troca da informação, mas o comandante lhe acerta um tapa na cara. Em Jericó, Marek afirma que o Deus dos hebreus não passa de uma lenda. Diante dos líderes tribais, Josué fala sobre a conversa que teve com Deus. Ele avisa que todos deverão acampar às margens do rio Jordão, pois a travessia está próxima. Diante de Marek e Kalesi, Tibar conta sobre a conversa com Acã. O rei diz ser impossível os hebreus atravessarem o Jordão. Sem Galimedes, Kalu avisa que os Lagartos Gosmentos precisam de um novo líder. Raabe fala do Deus dos hebreus e Orias a repreende. Marek mostra confiança nos deuses de Jericó. Calebe conversa com Gibar, Tobias, Acsa e Iru. Ele avisa sobre a nova ordem de Josué. Quemuel se surpreende com o novo comportamento de Samara. Aruna vai até a tenda de Josué para incentivar o líder hebreu. Jéssica se abre com Salmon e diz sentir sua falta. Josué elogia Aruna. Ele se aproxima para beija-la.

Capítulo 29 – Script 26 - 12 de agosto - sexta-feira
Antes que Josué beije Aruna, Elói chega e atrapalha o momento. Laila começa a falar de Rune e Livana se irrita. A moça diz não gostar do novo pretende. Maquir conversa com Isaque e Temá. Ele nega estar interessado em alguma mulher. Acsa mostra interesse em Gibar. Em pensamento, Josué diz que Aruna fisgou seu coração. Léia chora sentindo falta de Elieber. Lila e Salmon se recordam de seus pais. Josué e todas as tribos de Israel começam a deixar o acampamento de Sitim rumo às margens do rio Jordão. Em Jericó, Raabe ora a Deus. Josué e os hebreus chegam às margens do rio e se espantam com a grandiosidade do Jordão em época de cheia. Calebe conversa com Eleazar e Salmon. Ele diz que é preciso espalhar a fé entre os hebreus murmuradores. Salmon reúne alguns jovens para incentivá-los. Aruna diz palavras de fé e Josué a admira. Samara percebe a presença do líder e começa a discursar. Mas ela murcha ao perceber que não agradou. Salmon, Aruna, Otniel e outros jovens tentam reanimar a fé do povo hebreu. Querendo ser o novo líder, Acã conversa com os filhos e diz que é preciso espalhar ideias negativas para jogar o povo contra Josué. Samara e Tobias dizem que não ajudarão os outros. Josué conversa com Deus. Aruna estranha o comportamento do povo. Diante de todos, Josué fala sobre a conversa com Deus. Ele pede para o povo se preparar para passar por um caminho pelo qual nunca passaram antes. Marek descobre que os hebreus foram para a margem do Jordão. Calebe e Noemi falam do comportamento rebelde de Iru. Calebe escuta Eleazar falando sobre orgulho com Otniel. Ele então decide se desculpar com o filho. Acsa sente ciúmes ao percebe Gibar dando em cima de Adélia. Otniel mostra superioridade e diz perdoar os outros jovens. Sem jeito, Haniel tenta mostrar seu carinho por Tirda. O clima de paz e reconciliação toma conta dos hebreus. Josué diz admirar a fé de Calebe. Raabe escuta Tibar dizendo que os hebreus já deixaram o acampamento de Sitim. Josué observa Eleazar e os outros levitas carregarem a Arca da Aliança. Eles se aproximam do rio e o milagre acontece. A correnteza do Jordão se interrompe e as águas começam a se amontoar só de um lado. Um imenso paredão de água se forma. O leito do rio seca. Na margem do Jordão, os hebreus observam, admirados e emocionados, o rio aberto diante da Arca. Josué cavalga até o começo do leito seco e todo o povo começa a segui-lo.

Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário

.