A Gata - Resumo dos Capítulos 41 ao 45 (10.10 a 14.10)



Capítulo 41, segunda-feira, 10 de outubro
Esmeralda consegue trabalho em um jardim de infância. Esmeralda se zanga com Dona Rita ao vê-la fazendo uma limpeza com ervas em seus filhos. Esmeralda diz que os levará para serem vacinados, pois suas famosas limpezas com ervas não vão garantir a saúde dos bebês. Paulo fica feliz quando Gisele elogia suas pinturas. Gisele diz que ele sempre retrata a mesma mulher, e desejaria saber quem é. Paulo responde que é a única mulher que ama. Domenico vai ver Esmeralda na casa de Dona Rita para dar-lhe as boas vindas e dizer que ela pode contar com ele, incondicionalmente. Esmeralda agradece o seu oferecimento. Lorena discute com Augusto porque ele está bebendo demais. Augusto tenta sair de casa, mas um policial o informa que ele terá que continuar por lá. Domenico, o italiano, chega à casa de Dona Rita com presentes para os bebês de Esmeralda. Neste momento chega Paulo, que diz que Domenico não tem que dar nada para seus filhos, nem para Esmeralda. Esmeralda diz a Paulo que ele também não tem direito de estar ali. Domenico diz que ama Esmeralda e lutará por ela. Damião diz ao Silencioso que os “Martinez Negrete” vão lhe devolver todo o dinheiro que roubaram. Silencioso responde que o dinheiro é o que menos lhe importa, e o que quer é limpar seu sobrenome para dar a Esmeralda. Esmeralda diz a Jacira que Mariano a convidou para o zoológico e lhe parece ser um bom rapaz. Jacira recomenda que Esmeralda tenha cuidado. Augusto diz a Mariano que vai se aproveitar do amor de Paulo e Esmeralda para se salvar do escândalo que poderia ter com a exposição do “roubo” ao Silencioso. Lorena diz a Paulo que precisa tornar público seu compromisso com Esmeralda.
Capítulo 42, terça-feira, 11 de outubro
Paulo pede a Esmeralda a oportunidade de fazê-la se apaixonar por ele e construírem uma vida juntos. Esmeralda aceita. Garrancho e seus amigos fazem mais um assalto. Gisele se apresenta a Lorena e diz que está organizando uma exposição com as pinturas de Paulo e gostaria que ela e a família estivessem presentes. Dona Rita se zanga porque não a levam nada para comer. Perla vai à casa dos “Martinez Negrete”, já que se lembra que aquela é sua casa. Com a ajuda de Maria, Paulo leva sua filha para passear. Maria, ao ver que Paulo está demorando muito para voltar, se assusta, e conta o ocorrido a Esmeralda. Esmeralda pensa que Paulo fez o que fez para roubar sua filha e pressioná-la a fazer com que o Silencioso tire a queixa contra Augusto. Paulo se preocupa porque já é tarde e há ameaça de chuva. Augusto diz a Lorena que a vida está lhe cobrando por todo mal que fez. Paulo volta completamente molhado com o bebê e Esmeralda, ao ver a criança, se desespera e pergunta o que Paulo fez com sua filha.
Capítulo 43, quarta-feira, 12 de outubro
Esmeralda se zanga com Paulo ao se dar conta que sua filha está doente. Paulo, muito triste, diz que não era sua intenção, mas que a levará imediatamente ao doutor. Domenico chega e oferece sua ajuda. Esmeralda diz a Paulo que ele é um mal pai, e só queria fazer mal a ela e sua filha porque as odeia. Domenico leva Esmeralda e sua filha ao hospital. O doutor diz a Esmeralda que sua filha está com pneumonia e pode morrer. Paulo se queixa com Mariano que Esmeralda e Dona Rita estão o culpando pela enfermidade de sua filha. Mariano responde que elas têm razão, pois ele agiu de forma irresponsável. O Silencioso diz a Jacira e a Mercedes que se sente muito agoniado por não saber nada de Esmeralda e dos bebês. Augusto recebe um oficio no qual o notificam da retirada de sua licença de advogado. Paulo, desesperado, procura sua filha por vários hospitais. Augusto enfurece-se ao ver Silencioso e Perla. Paulo exige a Domenico que diga em que hospital estão Esmeralda e sua filha. Domenico se nega a lhe dar a informação e diz que Esmeralda não deseja vê-lo. Jacira diz ao Silencioso que Letícia está com pneumonia. Augusto ordena Mariano que assuma a sua defesa. Mariano aceita, mas diz que não usará de provas falsas nem de mentiras para colocar o pai em liberdade. Lorena diz a Augusto que Mariano não quer usar provas falsas para ajudá-lo, pois está apaixonado por Esmeralda. Lorena diz a Augusto que se tudo ruir, ainda resta o recurso de seus netos. Ela pensa que eles precisam começar a tentar ganhar a confiança de Esmeralda, já que essa seria a melhor forma de mostrar interesse em seus filhos.
Capítulo 44, quinta-feira, 13 de outubro
Mariano e Paulo estão zangados porque Dona Rita lhes deu um banho de água fria, com um balde. Paulo diz a Mariano que só lhe resta confiar que Domenico dê seu recado a Esmeralda. Mariano mostra muito interesse por Esmeralda, tanto que Paulo pergunta se ele se apaixonou por ela. Domenico diz a Esmeralda que Paulo quer ver sua filha, que cometeu um erro sim, mas tem esse direito, pois é pai. Esmeralda responde que Paulo poderá ver sua filha, mas ela não estará presente. Domenico diz a Paulo que Esmeralda aceita que ele veja sua filha, mas ela não deseja vê-lo. Dona Rita diz a Esmeralda que Domenico pagou todos os gastos de Letícia no hospital, e que ama muito seus filhos. Rita aconselha Esmeralda a aceitar o italiano. Esmeralda responde que Paulo é o único homem que ama. Paulo chora em frente à sua filha, e se sente culpado por sua enfermidade. Dona Rita acusa Paulo em frente ao Silencioso, dizendo ser ele o culpado pelo estado de Letícia. Com a ajuda de Garrancho, Inês rouba todos os pertences de um hospede de um hotel. Jacira fica surpresa quando Lorena diz que deseja muito ver seus netos. Jacira diz que o título de avó se ganha, e ela jamais demonstrou qualquer afeto para com eles. Gisele diz a Paulo que um colecionador gostou muito de seus quadros e comprou todos. Lorena se surpreende quando Perla diz que Augusto roubou sua filha. Lorena diz a Augusto que não conseguiu ver os filhos de Paulo, mas que se encontrou com Perla, a louca. Gisele flerta com Paulo. Esmeralda, desolada, recrimina o Silencioso por não estar lutando por encontrar sua filha. Esmeralda diz a sua filinha que ela precisa lutar por sua vida.
Capítulo 45, sexta-feira, 14 de outubro
Letícia é transferida para outro hospital, pois sua doença segue avançando. Domenico diz a Lupe que pagou o hospital com o dinheiro que Paulo o deu, mas para onde vão transferir o bebê de Esmeralda é muito caro, e talvez nem vendendo seu negócio ele consiga o suficiente para pagar. Lupe brinca, dizendo que ele deveria assaltar um banco. Paulo exige que Domenico diga em que hospital está sua filha. Esmeralda, chorando, diz a Jacira que Paulo não se importa com ela. Neste momento Paulo chega e diz estar ali para apoiar Esmeralda e sua filha. Paulo, chorando, pede a Letícia que lute por sua vida e que o perdoe. Esmeralda diz que ele não precisa se culpar, pois Letícia irá viver. Augusto pergunta a Mariano como vai sua defesa. Mariano diz a seus pais que a filha de Paulo está em estado muito grave no hospital. Lorena pensa ser esse um bom pretexto para visitá-la e fingir que a notícia lhe tocou o coração. Mariano a questiona se ela verdadeiramente não sente nada. Lorena responde que por ela a criança poderia morrer. Paulo e Esmeralda estão muito felizes, pois Letícia começa a apresentar melhora. Paulo diz a Maria que está feliz porque pode estar com sua filha, que está melhorando. Lorena vai até o hospital para ver a filha de Esmeralda, mas acaba se encontrando com o Silencioso e eles discutem. Esmeralda diz que eles precisam respeitar sua dor. Lorena descobre Virginia e Centavinho se beijando e, furiosa, esbofeteia a filha. Centavinho intervém e Lorena também o esbofeteia. Domenico pede Esmeralda em casamento. Justo neste momento Paulo chega.

Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário

.