Autores se perdem e A Lei do Amor vira uma nova Babilônia

By | 5 comentários


A Globo não aprendeu com os erros de Babilônia e, mais uma vez, está destruindo uma novela por conta do desespero por torná-la atraente para o público.

Assim como ocorreu com a obra de Gilberto Braga, Ricardo Linhares e João Ximenes Braga, as críticas promovidas pelo público durante o grupo de discussão de A Lei do Amor culminaram em uma série de modificações, com direito a Letícia (Isabella Santoni) praticamente se transformando em outra pessoa.

Como se não bastasse Alice Wegmann, que retorna em breve se apresentando como Marina, e não Isabela, Letícia deixou de ser, do dia para a noite, uma das personagens mais chatas da história das telenovelas.

Do nada, ela rompeu com Tião (José Mayer) - ela demonstrava ser cega diante das coisas que o padrasto fazia em sua frente e começou a enxergar o lado ruim dele muito rapidamente -, se aproximou de Helô (Claudia Abreu) e ainda virou íntima de Pedro (Reynaldo Gianecchini), com direito a chama-lo de pai depois de lhe falar uma infinidade de desaforos.

Mas não para por aí, pois ... continue lendo.

Postagem mais recente

5 comentários:

  1. Cena saiu do ar ou vc irá atualizar o layout?
    Uma semana sem postagens! 😕

    ResponderExcluir
  2. Phino! Rs ... Sabe propósito, seu aniversário está chegando e já antecipo meus votos de felicidades. Um abraço carinhoso, querido.

    ResponderExcluir
  3. Phino! Rs ... Sabe propósito, seu aniversário está chegando e já antecipo meus votos de felicidades. Um abraço carinhoso, querido.

    ResponderExcluir
  4. hahaa vc e Gilmar anteciparam "p n esquecer depois". Obrigado!

    ResponderExcluir