Malhação: Edgar é afastado do colégio Grupo

By | Comente
Edgar (Marcello Antony) está, cada vez mais, colocando em risco uma das coisas que mais preza: a própria reputação. Depois de agredir a filha, Lica (Manoela Aliperti), no pátio do Colégio Grupo, o dono e diretor da instituição resolve marcar uma reunião de emergência com os pais dos alunos para tentar reverter a situação e limpar seu nome. Ele delega a Bóris (Mouhamed Harfouch) a organização do encontro e o discurso de defesa. Também é o coordenador que fica responsável por convencer Mitsuko (Lina Agifu) a falar a favor de Edgar. “O apoio dela é fundamental. Ela tem muita influência com os pais. E é minha aliada há anos”, diz Edgar, confiante, antes de entrar na sala da reunião.

O diretor começa o discurso pedindo desculpas pelo ocorrido e garantindo que cenas lamentáveis como aquela nunca mais vão acontecer. Logo Mitsuko pede a palavra. “O Edgar herdou essa escola fundada pelo pai e soube mantê-la num dos níveis mais elevados de ensino em São Paulo. É por esse passado de tantas glórias e tanta qualidade que causou espanto o comportamento do diretor Edgar (...). Foi, sem dúvida, um comportamento indigno de um educador. A agressão à aluna trai a confiança que nós, pais, depositamos na escola quando deixamos nossos filhos aqui todos os dias”. Nesse momento, Edgar e Malu (Daniela Galli) já estão desesperados com o rumo que o discurso vai tomando. Em seguida, a mãe de Tina (Ana Hikari) anuncia que exige o afastamento de Edgar da direção da escola por tempo indeterminado, enquanto o Conselho Tutelar analisa o caso.

As cenas serão exibidas nesta quinta-feira, dia 20. ‘Malhação: Viva a Diferença’ é concebida por Cao Hamburger, dirigida por Paulo Silvestrini e vai ao ar logo após o ‘Vale a Pena Ver de Novo’.
Postagem mais recente

0 comentários: