Sortilégio - Resumo dos Capítulos 21 ao 25 (13.11 a 17.11)

By | Comente
Capítulo 21, segunda-feira, 13 de novembro

Bruno conta a Raquel que eles também são filhos de Antonio Lombardo e se refere à mãe de maneira depreciativa. Alessandro sai em defesa de Vitória e ameaça matar Bruno se voltar a insultá-la. Vitória conta sua história de amor por Antonio e afirma que ele tomou a decisão de deixar Alex no comando dos negócios porque Bruno sempre foi um irresponsável. O pai de Maria José se mete em confusão e vai parar na delegacia. Bruno se aproveita da situação para deixar a família de Maria José em má situação e convoca a imprensa. Depois de criticar a atitude do pai, Maria José pergunta a Bruno o que quer para deixá-los em paz e ele responde que além da metade da fortuna dos Lombardo quer que se divorcie de Alessandro. Bruno diz a Maria José que a ama e que não está em seus planos que ela ficasse casada com Alessandro, por isso, ou ela se divorcia ou armará um escândalo no qual todos saberão que também é filho de Antonio Lombardo. Maria José diz que está apaixonada por Alessandro. Indignado, Bruno ordena a Erick que envie flores para Maria José em nome de Mário Aguirre. Chegam as flores e Raquel conta para Alessandro que sua esposa anda recebendo presentes de outro homem.

Capítulo 22, terça-feira, 14 de novembro

Alessandro pede explicações a Maria José, que diz que está cansada de sua desconfiança e pede que a deixe voltar para sua casa. Alessandro diz que vai levá-la ao médico para saber se não está grávida. Vitória desconfia que Mário Aguirre é o homem que ajudou Maria José no falso casamento e ela volta a afirmar que foi Bruno que se casou com ela usando a identidade do irmão.  Alessandro se declara para Maria José e pede que se reconciliem. Roberto diz a Ulisses que tem certeza que foi de Bruno a ideia do casamento falso, que Maria José foi usada e que o tal Mário Aguirre não existe, ele é apenas mais uma das maldades de Bruno para deixar Alessandro enciumado. Durante a reunião os advogados pressionam Vitória e Alessandro para que entrem em um acordo com Bruno para evitar um escândalo. Vitória dá carta branca a Alessandro para que decida o que fazer, acusa Bruno de estar apenas interessado no dinheiro e no poder e diz que ele não tem dignidade para ocupar o lugar de Antonio Lombardo. Maura e Ulisses comentam que precisam encontrar um homem que se faça passar por Mário Aguirre para que possam levar o plano até o final. Alessandro comenta com Maria José tudo que aconteceu na reunião com Bruno e seus advogados e diz que foram ameaçados. Maria lembra das ameaças de Bruno, mas não se atreve a comentar. O homem contratado por Bruno se joga diante do carro de Paula. Apavorada, ela pensa que o matou, mas Erick aparece e a faz acreditar que vai desaparecer com o cadáver. Bruno diz a Maria José que Paula matou um homem e que se não fizer o que ele quiser vai mandar sua irmã para a cadeia.

Capítulo 23, quarta-feira, 15 de novembro

Bruno volta a se desentender com Fernando por visitar sua mãe. Indignada com a atitude do filho, Vitória diz a ele que se não se acalmar vai ordenar aos empregados que o coloquem para fora de casa. Erick pede a Bruno que não faça nada para prejudicar Paula. Ulisses contrata um homem para que se passe por Mário Aguirre e ligue para a mansão procurando por Maria José. Ulisses conta a Helena que conheceu uma mulher chamada Sandra que é idêntica a Maria José. Raquel diz a Alex que não está interessada em ter o sobrenome Lombardo e propõe que façam um acordo. Bruno diz a Maria José que há uma testemunha do acidente que está disposto a contar o que viu, por isso, deve encontrá-lo em um hotel para evitar que Paula vá para a cadeia. Bruno dá ordens a Erick para que fotografe Maria José quando entrar no hotel. O homem que se faz passar por Mário Aguirre telefona para Maria José e Alessandro pede a ela que atenda para acabar com esse problema. Nervosa, Maria José se recusa a falar com o tal Mário Aguirre e desliga o telefone. Desconfiado, Alessandro pede a Maria José que lhe diga a verdade. Cansada de tanta desconfiança, ela pede o divórcio. Alessandro diz que só quer protegê-la. Maria José diz a Paula que está muito magoada por Alex não confiar nela e, mesmo estando grávida, vai embora da mansão dos Lombardo. Vitória percebe que Fernando está apaixonado por ela. Alessandro comenta com Fernando que foi até o hotel procurar Mário Aguirre mas não o encontrou. Ele diz estar desconfiado de que se trata do cúmplice de Maria José.

Capítulo 24, quinta-feira, 16 de novembro

Fernando conta a Alessandro que esteve a ponto de dizer a Vitória que está apaixonado por ela. Indignado ao ver Alessandro e Maria José juntos, Bruno dá ordens a Erick para que faça uma denúncia anônima contra Paula. Vitória oferece a Bruno e Raquel suas ações da empresa se em troca não tornarem público seu passado. Bruno aceita, mas com a condição de ser o presidente da empresa. Paula, chorando, conta a Erick que Bruno está pressionando Maria José para que vá para a cama com ele, e para evitar que isso aconteça vai se entregar para a polícia. Erick promete ajudá-la. Alex diz a Maria que está muito intrigado por Mário Aguirre saber tanto sobre ela e sua família e levanta a hipótese que ele seja uma testemunha de seu casamento com Bruno e queira chantageá-la.  Ele volta a dizer que só quer descobrir a verdade e pede a ela que seja sempre sincera. Ezequiel entrega a Alessandro a chave que Bruno deu a Maria José. Furioso, ele pede uma explicação. Nervosa e assustada, ela diz que não sabe de nada, mas chega Paula e conta que a irmã está sendo chantageada por Bruno quer obrigá-la a ir para a cama com ele em troca da sua liberdade. Erick, seguindo as ordens de Bruno, contrata Gabriel para se passar pela vítima do atropelamento. Alessandro, furioso, diz a Bruno que já sabe que está chantageando Maria José. Covardemente, Bruno nega tudo e diz que a mentirosa é ela. Os dois partem para a briga corporal. Vitória também critica a atitude de Bruno.

Capítulo 25, sexta-feira, 17 de novembro

Vitória pede a Fernando que investigue quem fez a reserva no hotel onde supostamente Bruno tinha um encontro marcado com Maria José e diz que não deve comentar nada com Alessandro.  Ulisses conta para Roberto que o tal Mário Aguirre é uma invenção de Maura para provocar ciúmes em Alessandro com um suspeito amante de Maria José. Ulisses propõe a Roberto que se divorcie de Raquel para que possam viver juntos. Bruno ameaça matar Mercedes e sua família se ela não for até a delegacia fazer a denúncia contra Paula. Ao averiguar quem fez a reserva no hotel, Fernando descobre que foi Mário Aguirre e agora tudo indica que Maria José está mentindo. Vitória diz a Fernando que Bruno não pode ser o monstro que Maria José diz e que Alessandro terá que saber a verdade. Depois, pede perdão ao filho por ter duvidado dele e conta que Fernando investigou e descobriu que Maria José tinha um encontro marcado com Mário no hotel. Mercedes confidencia a Júlia que alguém lhe deu muito dinheiro para que fizesse a denúncia.

Postagem mais recente

0 comentários: